Fortalecimento Institucional

Os projetos nesta linha de ação visam aprimorar a participação de organizações na governança socioambiental, por meio do fortalecimento de suas estruturas gerenciais e sociopolíticas e sua capacidade de diálogo e negociação. Nessa linha, os projetos buscam desenvolver a base social com legitimidade, transparência e credibilidade, fortalecendo a governança e a ação conjunta das organizações da sociedade civil. O objetivo final é a autonomia e o aumento da capacidade de oferecer serviços de qualidade e de promover processos de mudança social. 

Os projetos do IEB voltados ao Fortalecimento Institucional visam aprimorar a participação de organizações na governança socioambiental por meio do fortalecimento de suas estruturas gerenciais e sociopolíticas, e sua capacidade de diálogo e negociação. Nesta linha de atuação, os projetos buscam desenvolver a base social com legitimidade, transparência e credibilidade, fortalecendo a governança e a ação conjunta das organizações da sociedade civil. O objetivo final é a autonomia e o aumento da capacidade de oferecer serviços de qualidade e de promover processos de mudança social.

 

Caleidoscópio

Desde o ano 2000 o IEB realiza cursos e oficinas de capacitação que reúnem e integram indivíduos em redes de pessoas e saberes capazes de transformar realidades e influenciar mudanças no cenário socioambiental brasileiro.

Programa Liderar

O Programa LIDERAR é um Programa de Desenvolvimento de Lideranças que tem como premissa fundamental o papel transformador dos grupos sociais organizados e de suas lideranças políticas legítimas.

Consórcio Fronteiras Florestais

Promove a inclusão sócio-ambiental das populações em zonas de ocupação da amazônia brasileira por meio da gestão territorial e adoção de práticas de manejo sustentável.

Projeto Fortis BR 319

O projeto atua na capacitação de lideranças das comunidades tradicionais locais, técnicos e administradores de áreas protegidas em temas relacionados ao processo de consolidação das Unidades de Conservação.

Programa de Desenvolvimento Local Sustentável

O programa pretende fortalecer os poderes públicos municipais e as organizações da sociedade civil. A proposta é a construção de forma participativa e implementação de uma agenda de trabalho voltada para o desenvolvimento dos municípios.

Conservação da Biodiversidade em Terras Públicas

O Projeto “Conservação da Biodiversidade em Terras Públicas na Amazônia”, tem como objetivo contribuir para a conservação da biodiversidade e a gestão de terras públicas no sudoeste da Amazônia brasileira, em especial Terras Indígenas.

Projeto Cluster

O objetivo de atuar junto à consolidação de planos de manejo praticados por comunidades e indivíduos na Amazônia brasileira. Esta atividade demanda conhecimentos complexos para aprovação e implementação de planos de manejo, processamento e comercialização.

Projetos de Fortalecimento Institucional em Barcarena

Este projeto visa promover o fortalecimento das instituições do município, por meio da capacitação das organizações da sociedade civil, para que se tornem aptas a organizar, planejar e executar projetos para o enfrentamento dos problemas socioambientais.

Projeto Xingu Ambiente Sustentável

O projeto tem por objetivo fortalecer os processos locais de articulação e desenvolvimento institucional visando a governança socioambiental e a sustentabilidade no uso dos recursos naturais no município.

Bolsa Verde

O projeto visa desenvolver um Programa de Capacitação Ambiental, voltado para os beneficiários do Programa Bolsa Verde (integrante do Programa Brasil sem Miséria do Governo Federal).

Governança Florestal na BR 163

Fortalecimento da Governaça Florestal na BR 163, Pará.

Bacias

Desenvolver Planos de Recuperação para Microbacias mediante a articulação de comunidades, gestores públicos e atores locais, colaborando na implementação e fortalecimento do Comitê de Bacia Hidrográfica do Rio Paranoá.

Florestabilidade

Projeto de educação para o manejo florestal, coordenado pela Fundação Roberto Marinho, em parceria com o Fundo Vale e o Serviço Florestal Brasileiro.

Projeto Formar

O Projeto Formar PNGATI –  tem o propósito de contribuir para o fortalecimento da Política Nacional de Gestão Territorial e Ambiental de Terras Indígenas (PNGATI).

CEPF Cerrado

O Fundo de Parceria para Ecossistemas Críticos busca evitar ou minimizar novas devastações, restaurar terras degradadas para a recriação da conectividade ecológica na paisagem, e expandir a rede de áreas protegidas no bioma Cerrado.

Consórcio Garah Itxa

O termo Garaitxa (lê-se Naraitxa) da língua indígena Suruí significa “juntos com a floresta” e simboliza o consórcio liderado pelo IEB, que tem por objetivo a gestão dos territórios indígenas.

Consórcio Paisagens Indígenas Brasil

Liderado pela The Nature Conservancy (TNC), o Consórcio Paisagens Indígenas Brasil tem como parceiros o IEB; a Coordenação das Organizações Indígenas da Amazônia Brasileira (COIAB); o Conselho Indígena de Roraima (CIR); e o Instituto de Pesquisa e Formação.

Fortalecimento da Gestão dos Recursos Naturais no Marajó

O Projeto visa o Fortalecimento da Gestão dos Recursos Naturais no Marajó, especificamente nos municípios de Melgaço, Portel, Curralinho, São Sebastião da Boa Vista, Breves e Gurupá.

Projeto Ordenamento Territorial no Sul do Amazonas

O projeto visa intensificar o processo de ordenamento territorial no sul do Amazonas por meio da implementação de políticas públicas de regularização fundiária e ambiental, além da utilização de instrumentos de gestão ambiental.

Projeto Embarca Marajó

O objetivo do projeto Embarca Marajó é implementar ações socioeconômicas e ambientais, visando o desenvolvimento local sustentável do território marajoara, integrado à políticas públicas, especialmente nos municípios onde trafega a Agência-Barco Ilha do Marajó: Bagre, Breves, Curralinho, Melgaço, Muaná, Ponta de Pedras, Portel, Salvaterra, São Sebastião da Boa Vista e Soure.