Organizações levam ajuda para combater Covid-19 no Amazonas

  dezembro 19, 2020

Rede cria campanha de conscientização sobre o vírus para ajudar retomada de encontros ao sul do Amazonas

O estado do Amazonas registrou mais de 5 mil mortes e 188.918 casos de coronavírus até dia 16 de dezembro no momento em que o país enfrenta uma nova onda de crescimento da Covid-19. Só no município de Lábrea foram 44 mortes. Os povos da floresta, mais vulneráveis, sofrem com a doença e um dos principais desafios nas comunidades é buscar a conscientização sobre as medidas de segurança determinadas pelos órgãos de referência.

Para preparar as atividades que garantam a sobrevivência dos povos indígenas e comunidades tradicionais ao sul do Estado, como a discussão sobre o Plano de Gestão Territorial e Ambiental (PGTA), manejo do peixe pirarucu e outras cadeias de valor, por exemplo, eles precisam se reunir para planejar as atividades conjuntamente e de forma participativa. “Durante essas reuniões preparatórias, o risco de contaminação é alto, principalmente se não houver informações”, afirma Janaína de Oliveira, do Instituto Internacional de Educação do Brasil (IEB).

Como proteger a sua comunidade do coronavírus é uma cartilha dirigida às comunidades das terras indígenas, reservas extrativistas e ribeirinhas, para ser usado nessas reuniões. A ideia de mostrar boas práticas de segurança e alertar essas populações sobre protocolos de higiene durante as reuniões é fundamental e pode poupar muitas vidas.

O Instituto Internacional de Educação do Brasil, por meio do projeto Liga da Floresta, de maneira interligada com outras organizações e com os povos da floresta, busca fortalecer a rede de gestão integrada de Áreas Protegidas do sul do Amazonas. “Todas as organizações decidiram unir forças na divulgação do material para criar uma campanha de comunicação mais efetiva. A união se mostra ainda mais importante em momentos como esse”, afirma Cloude Correia, coordenador do Projeto. “Precisamos alcançar o maior número de pessoas possível”. 

Outras iniciativas, como a que foi realizada entre julho e outubro pelo IEB (@iieboficial) com a Cooperação Alemã para o Desenvolvimento Sustentável (#GIZ), CESE (@cesedireitos), estão acontecendo e têm enorme importância. Na ocasião, Sebastião Jiahui, liderança da aldeia Kwaiari, afirmou que ficaram muito agradecidos às instituições. “Não tínhamos noção dessa doença, tá muito duro pra gente. Quero agradecer essa ajuda, porque sem os parceiros, fica difícil”, disse. Foram 927 famílias indígenas beneficiadas no sul do estado, que receberam materiais para pesca, alimentos e produtos de limpeza pra se manterem em isolamento social neste período.

O projeto Liga da Floresta faz parte de uma rede maior de ações colaborativas pela Amazônia em pé, chamada Rede LIRA. O material também será compartilhado com outras 80 organizações que trabalham com comunidades tradicionais e povos indígenas em cinco estados do bioma amazônico. Esse é o potencial de trabalho integrado somando esforços e otimizando recursos.

Sobre o LIRA

O LIRA é uma iniciativa idealizada pelo IPÊ – Instituto de Pesquisas Ecológicas, Fundo Amazônia e Fundação Gordon e Betty Moore, parceiros financiadores do projeto. Os parceiros institucionais são a Fundação Nacional do Índio (FUNAI), o Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), Secretaria Estadual do Meio Ambiente do Amazonas – SEMA-AM e o Instituto de Desenvolvimento Florestal e da Biodiversidade do Estado do Pará – IDEFLOR-Bio. O projeto abrange 34% das áreas protegidas da Amazônia, considerando 20 UCs Federais, 23 UCs Estaduais e 43 Terras Indígenas, nas regiões do Alto Rio Negro, Baixo Rio Negro, Norte do Pará, Xingu, Madeira-Purus e Rondônia-Acre. O objetivo do projeto é promover e ampliar a gestão integrada para a conservação da biodiversidade, a manutenção da paisagem e das funções climáticas e o desenvolvimento socioambiental e cultural de povos e comunidades tradicionais. Mais informações:

 https://lira.ipe.org.br/

Sobre o IEB

O Instituto Internacional de Educação do Brasil (IEB) é uma associação brasileira sem fins econômicos, sediada em Brasília, fundada em novembro de 1998, com a missão de fortalecer os atores sociais e o seu protagonismo na construção de uma sociedade justa e sustentável. O IEB se destaca no cenário nacional por dedicar-se a formar e capacitar pessoas e fortalecer organizações nos diversos aspectos e temas relacionados ao meio ambiente, desenvolvimento e à sustentabilidade.

 

Mais Informações

LIRA

Circular Comunicação

Nice Castro

nice@circualarcomunicacao.com

Tel. (11) 994928473

Carla Gullo

carla@circularcomunicacao.com

Tel. (11) 991195599

IEB

Luana Luizy

(61) 99617-2454

luana@iieb.org.br