Articulação de mulheres indígenas é marca do ATL 2019

  April 26, 2019

A 15ª edição do Acampamento Terra Livre (ATL), realizada em Brasília entre os dias 24 e 26 de abril, marca a maior mobilização indígena do Brasil em defesa dos seus direitos com destaque para o preponderante papel das mulheres na mobilização. Apesar de algumas das maiores lideranças como Sonia Guajajara ou a deputada Joenia Wapixana, o espaço feminino dentro do movimento vem crescendo muito.

É o que explica Marines Francisca dos Santos, representante da Organização dos Povos Indígenas Apurinã e Jamamadi de Boca Do Acre (AM) (Opiajbam). “Ainda precisamos avançar na participação feminina. Na Opiajbam a gente criou um departamento de mulheres porque a gente quer crescer como mulher, como pessoa, para que possamos, junto com os nossos guerreiros, conquistar os nossos direitos.”

Marines (esq.): “As mulheres indígenas estão juntas na luta pelos nossos direitos.”

O ATL tem sido importante também para a integração pautas comuns, como a questão da violência contra a mulher. “No ATL a gente consegue conhecer a diversidade das nossas parentas e as lutas que são de todas. Nós temos leis que valem não só para a mulher branca, mas também para a mulher indígena, pra nos proteger da violência verbal e física que nós também sofremos”, explica Marines. “Além disso, existe toda a questão da discriminação com a mulher indígena. A gente vive isso e busca conhecer o que as outras mulheres vivem também, que não é diferente de nós, mulheres Apurinã”, completa.

Segundo ela, as mulheres são as responsáveis por manter a continuidade da cultura, como esposas, como mães, mas também são aquelas com a força para estar na luta ao lado dos parentes na garantia de seus direitos. Na última quinta-feira (25) foi realizada uma plenária de mulheres indígenas, que definiu o tema “Território: Nosso Corpo, Nosso Espírito!” para uma grande marcha de mulheres que acontece em Brasília em agosto. Após debate entre as delegações e muito diálogo, foi marcado o próximo encontro, de 9 a 11 de agosto.