Animação relembra 50 anos de um dos movimentos indígenas mais antigos do Brasil

  maio 1, 2021

Para abrir as celebrações do aniversário da primeira “assembleia de tuxauas” (lideranças) que deu origem, em 1971, ao Conselho Indígena de Roraima (CIR), a organização lança nesta sexta-feira (30/04) a animação “CIR 50 anos”, com três minutos de duração.

O vídeo é narrado pela jovem comunicadora Niciele Raposo, do povo Macuxi, e relembra o contexto de invasão que as comunidades enfrentaram nos anos 1970 e destaca datas importantes para o movimento indígena de RR, como a decisão do “Vai ou Racha”, contra o alcoolismo nas aldeias, em 1977, e as conquistas alcançadas nas últimas cinco décadas.

Uma delas foi a luta de 30 anos pela demarcação em área contínua da Terra Indígena Raposa Serra do Sol, onde hoje vivem mais de 26 mil indígenas dos povos Macuxi, Wapichana, Ingarikó, Taurepang e Patamona.

Para o coordenador do CIR, Edinho Batista, do povo Macuxi, este é um momento de homenagear e refletir sobre as lutas e conquistas do movimento indígena. “Falar dos 50 anos do CIR é falar de uma grande responsabilidade, de uma grande missão que as lideranças indígenas de Roraima tiveram de fazer  frente, de lutar com resistência e coragem em defesa dos direitos do seu povo”, disse Edinho.

A produção do vídeo teve apoio do Projeto Bem Viver (CIR/IEB/NCI) e foi produzida pelo Coletivo 105. A animação está disponível no canal do CIR no Youtube.

Clique aqui para assistir. E aqui, para legendas em inglês.

https://cir.org.br / Instagram /  Facebook