IBEX oferece Bolsas para indígenas participarem de evento internacional

O IBEX cobre todos os custos da viagem e de participação na conferência. As candidaturas vão até o dia 16 de fevereiro.

Com informações da fulbright.org.br

O Fundo de Intercâmbio Biocultural Indígena (IBEX) está oferecendo bolsas para indígenas interessados em participar de um evento/intercâmbio internacional cujo tema seja relacionado ao seu território ou região.

O IBEX cobre todos os custos da viagem e de participação na conferência. As candidaturas vão até o dia 16 de fevereiro. São aceitas inscrições para eventos a serem realizados entre 15 de março e 15 de setembro de 2017.

O fundo funciona da seguinte forma: o interessado deve encontrar um evento ou conferência internacional da qual queira participar e depois se candidatar para receber a bolsa. Isso significa que o Fundo é responsável somente pelo benefício e não tem relação com o evento.

Requisitos e candidatura

A candidatura é online e deve ser feita no site da instituição. Para concorrer a uma das bolsas do IBEX, é necessário ser indígena ou membro de uma comunidade tradicional local. Será dada preferência para mulheres, jovens e pessoas que nunca viajaram. Além disso, o candidato não pode estar inscrito em um programa acadêmico.

Benefícios da bolsa

O fundo dará um valor de até 5 mil dólares aos selecionados, mas o benefício pode ser reajustado caso não seja suficiente. A bolsa serve para cobrir os seguintes itens: passagem aérea internacional; taxa de inscrição no evento; hotel/hospedagem; alimentação; adicionais; transporte local; despesas com o visto; seguro de viagem.

Sobre o Fundo de Intercâmbio Biocultural Indígena

O Fundo estimula que povos indígenas e comunidades locais tenham voz nas políticas e fóruns globais relacionados à diversidade biocultural, especialmente aqueles que são sub-representados nesses eventos. A instituição oferece o benefício desde 2013. Desde então, pessoas de várias nacionalidades já foram contempladas, inclusive uma brasileira.

Mais informações em http://migre.me/w3xPG







Comentários